DengueTech
x
Por: Denguetech
A Dengue é uma doença grave, que pode deixar sequelas muito graves. Confira já quais são e como tratar.

Você já conferiu aqui no blog DengueTech quais são os cuidados com a dengue, sintomas da doença e produtos que podem ajudar a eliminar o mosquito Aedes aegypti. Agora é a vez de falarmos também das sequelas da Dengue, complicações que podem acontecer com alguma frequência.

Nós separamos informações importantes para que você fique ainda mais atento com a doença e se cuide melhor. Confira:

Principais sequelas da Dengue

A dengue é uma doença muito séria, que pode deixar muitas sequelas e até  mesmo levar à morte.

De acordo com especialistas, entre as diversas complicações causadas, estão: desidratação intensa, hepatites acompanhadas de lesões no fígado e mau funcionamento do órgão, insuficiência renal, agravamento de problemas cardíacos e distúrbios neurológicos, como encefalopatia, encefalite e meningite. Além da Mielite, inflamação na medula espinal que afeta os nervos.

Quando a dengue provoca as hepatites, os sintomas mais comuns são: vômito, náusea, dores fortes na região da barriga e abdômen, fezes claras, urina ou pele escura e olhos amarelados.

Já quando ataca o sistema nervoso, pode causar: sonolência, tontura, irritabilidade, depressão, convulsões, amnésia, psicose, falta de coordenação motora, perda de força de um dos lados do corpo, nos braços ou pernas, delírio ou paralisias, por exemplo.

Todas essas complicações estão mais sujeitas a acontecer quando o tratamento não é iniciado imediatamente. Se tiver alguma suspeita de que está com a doença, não hesite e procure com a maior brevidade possível um Pronto Socorro.

A grande maioria dessas sequelas graves causadas pela Dengue podem ser tratadas e costumam desaparecer até um ano após o contágio.

Mas fato é que ficamos marcados para sempre depois da primeira Dengue. Isso se confirma pelo fato de estar provado que a segunda Dengue de um mesmo paciente tende a desencadear quadros clínicos mais complicados do que da primeira vez.  

Cuidados com a Dengue

Ao sentir os sintomas da doença, que são: dores de cabeça, dores nas articulações, manchas avermelhadas pelo corpo, indisposição e febre alta, é imprescindível que você vá ao médico o mais rápido possível. Lembrando que é importante tomar remédios apenas com recomendação médica.

Após o diagnóstico, será necessário seguir com medicamentos que irão eliminar os efeitos dos sintomas. Segundo especialistas, durante este período, é muito importante repouso absoluto, beber muita água e interromper o consumo de bebidas alcoólicas.

Como se prevenir da dengue

Já deu pra perceber que com a Dengue todo cuidado é pouco, né? Sendo assim, você precisa redobrar a sua atenção com o mosquito Aedes aegypti, principalmente durante o verão, época em que ele se reproduz com mais facilidade devido às altas temperaturas e acúmulo da água. Separamos aqui cuidados básicos que podem te livrar da dengue. Confira:

 

  • Identifique e elimine os locais que podem acumular água. Aqueles que você não pode ou não quer eliminar, como pratos de plantas, vasos de flor de corte, bandeja de ar condicionado, bandeja da geladeira frost free, filtro d’água, lajes e marquises, ralos e vasos sanitários com pouco uso, trate com o DengueTech. São nesses locais que as larvas do mosquito se concentram. 

 

  • Coloque telas nas janelas para evitar a entrada do mosquito.

 

  • Se estiver em região onde a Dengue circula com maior intensidade, use repelentes diariamente.

Para saber mais sobre cuidados com a dengue, acompanhe o nosso blog.